13 anos!
Home
InstitucionalServiços OnlineLegislaçãoFotosMapasImprensaFale Conosco
DML
DI
DC
Laboratório
DPI
AgendamentoCI
Documentos
Emissão da GAD para Pagamento da Taxa da Carteira de Identidade
Emissão da GAD para Pagamento da Taxa da Carteira de Identidade
Site do Sistema de Informação ao Cidadão
Consulta SPI
.
 Portal do Servidor - RHE
.
Expresso
.
Consultas Integradas
.

190

Disque Denúncia

AS MULHERES DO RH – DIVISÃO DE RECURSOS HUMANOS DO IGP
Elas trabalham com sob a chefia de Maria Elenir Bastiani, que já foi apresentada neste espaço. Duas mulheres que se especializaram na gestão de Recursos Humanos. Quem trabalha no Instituto Geral de Perícias vez ou outra se encontra com elas:

ImageMARINÊS MAGGIONI tem quatro anos de IGP... e 33 anos de Serviço Público.
A carreira teve início na extinta Caixa Econômica Estadual, primeiramente no setor de Pessoal e, mais tarde, na função de Caixa Executiva.
Formada em Administração de Empresas pela Faculdade Portoalegrense (FAPA) com especialização na Pontifícia Universidade Católica (PUCRS). Especialização em Recursos Humanos, é claro!



IARA REGINA OLIVEIRA FERREIRA tem 15 anos de serviços prestados ao IGP. Na Divisão de Recursos Humanos ela é responsável pelos estágios. São 262Image estagiários espalhados por todo o Rio Grande do Sul, que ela acompanha desde a contratação, passando pelos pagamentos, até o encerramento do contrato.
Iara tem formação superior em Recursos Humanos pela ULBRA.

Texto e fotos – Norberto Peres - IGP
 
Perícia oficial gaúcha esclarece autoria de estupro em Bento Gonçalves
ImageO trabalho integrado da Polícia Civil(PC) e do Instituto-Geral de Perícias (IGP) acaba de confirmar a autoria de crimes de estupro, realizados na cidade de Bento Gonçalves, na Serra Gaúcha, nos meses de setembro e outubro (2014) e em janeiro de 2015.
O indivíduo com 25 anos de idade, reconhecido por uma das vítimas dentro de um ônibus e preso pela Brigada Militar, no dia 26 de fevereiro último, teve a prisão preventiva decretada e foi recolhido ao Presídio de Bento Gonçalves.
Na manhã desta sexta-feira (06), uma Coletiva de Imprensa, realizada no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), em Porto Alegre, divulgou o resultado positivo do exame de DNA coletado do suspeito, em comparação com a análise da secreção vaginal obtida de uma das vítimas. A servidora Juliana Piva de Almeida, do laboratório de DNA do IGP entregou o laudo à delegada da Polícia Civil Deise Salton Brancher Ruschel, responsável pelo Inquérito.

O diretor-geral do IGP, perito criminalístico Cleber Müller destacou que “o laboratório de DNA do IGP é, hoje, referência em todo o País e reconhecido internacionalmente”. Ressaltou “o papel da Imprensa na divulgação do trabalho desenvolvido pelos órgãos de Segurança Pública, fazendo com que as pessoas acreditem na eficiência e eficácia da Polícia e  na decisiva contribuição da perícia para a solução dos crimes investigados”.

A delegada Deise Ruschel veio a Porto Alegre acompanhada da colega Vanessa Luisa Kohler e do inspetor de Polícia Duani Nallem Jorgens.
O evento desta manhã contou, também, com as presenças da diretora do Departamento de Perícias Laboratoriais (DPL-IGP/RS) Bianca Carvalho e da corregedora do IGP, Elisa Gallardo.

Texto e fotos – Norberto Peres – IGP em 06/03/2015         
 
Identificação necropapiloscópica é obtida pelo IGP através de novo sistema
O Posto de Identificação de Bento Gonçalves, do Departamento de Identificação do Instituto-Geral de Perícias (PI-DI-IGP/RS), Divisão de Perícias do Interior (DPI) obteve esta semana aImage primeira identificação necropapiloscópica positiva com uso do sistema PPD (PESQUISA POR DIGITAL). As papiloscopistas Rosane Maria Bourscheid Jahn e Liliane Itaqui Scheinpflug Ramos Machado, servidoras do PI de Bento Gonçalves, obtiveram a primeira identificação positiva em Necropapiloscopia, através do sistema PPD,  no próprio Posto de Identificação, fazendo uso do scanner fornecido pela empresa Valid. A coleta das impressões digitais foi realizada no Posto Médico Legal (PML) de Bento Gonçalves e foram processadas no sistema PPD, resultando na identificação post mortem positiva, sem a necessidade de um provável nome ou RG. As papiloscopistas afirmam que “o trabalho realizado com esta tecnologia agiliza a identificação cadavérica, acelerando a liberação dos corpos, acrescentando assim qualidade e segurança na identificação correta da vítima.

Texto – Ascom IGP/RS em 06/03/2015
Foto – PI Bento Gonçalves       
 
IGP e DETRAN afinam ações de integração e retomada de convênios
ImageNa tarde desta quarta-feira (04), o diretor geral do IGP, Cleber Müller, acompanhado de gestores da Instituição foi recebido pelo diretor do Departamento Estadual de Trânsito (DETRAN RS), Ildo Mário Szinvelski, na sede da entidade, no centro de Porto Alegre. Na pauta do encontro, as questões de maior relevância a serem resolvidas para o bom andamento das atividades em comum das duas instituições.

A principal questão levantada pelo diretor do DETRAN foi a superlotação dos depósitos de veículos que aguardam a realização de perícias. A idéia apresentada por Ildo Szinvelski e aceita pelo diretor do IGP Cleber Müller, com a concordância dos diretores presentes, é a adoção de um local público, uma área pertencente ao Estado, a fim de alojar esses veículos e oportunizar a infraestrutura necessária à realização da atividade pericial, ou seja, espaço para testes de frenagem, rampa, equipamento para elevação dos carros, em ambiente com iluminação adequada.

O chefe da Divisão de Engenharia, do Departamento de Criminalística (DC), perito criminal Carlos Alberto Borsói, com larga experiência nessa área, apresentou sugestões para dinamizar as perícias veiculares. Da mesma forma, o diretor do Departamento de Perícias do Interior (DPI), perito criminal Marco Antonio Curcio, fez ponderações em relação ao trabalho da perícia pelo RS, o que representa 20 por cento da demanda.

Na presença da diretora do Departamento de Perícias Laboratoriais (DPL), perita criminal Bianca de Almeida Carvalho, foram revistos convênios para aquisição de equipamentos a serem utilizados pela perícia no laboratório do IGP.

Dentro de 40 dias, as direções do IGP e DETRAN deverão se reunir para avaliação das medidas a serem adotadas de imediato.


Texto e fotos – Norberto Peres - IGP       
 
IGP abre Semana da Mulher com homenagens e retomada do Projeto Sala Lilás
Na Semana da Mulher, nesta primeira semana do mês de março, o Instituto Geral de Perícias (IGP) já vinha destacando as mulheres que prestam serviço àImage Instituição. São muitas, dezenas no setor administrativo, centenas na soma de todos os departamentos.
Ao longo de 2015 será assim: AS MULHERES DO IGP estão sendo reveladas no nosso site www.igp.rs.gov.br, pois muito além de uma única semana, ou do dia 8 de março, o Dia Internacional da Mulher que se projeta com muitas atividades, queremos destacar a
presença feminina e valorizar tudo o que de bom ela representa.

Nesta terça-feira (03), no auditório do IGP, o diretor geral Cleber Müller promoveu reunião de algumas(uns) chefes e coordenadoras(es) com a presença da perita Andréa Brochier Machado, que coordenava o Projeto Sala Lilás em nível estadual e que acompanhou a inauguração das nove unidades da Sala Lilás pelo RS, entre 2012 e 2014.
O objetivo do encontro foi a retomada do projeto e o acesso dos gestores do IGP aos fundamentos que norteiam a campanha pela não violência contra as mulheres.
ImageNo período da tarde, Cleber Müller reuniu todas(os) as(os) funcionárias(os) administrativas(os) do IGP, promoveu a distribuição de porta-chachás na cor lilás e anunciou a retomada das iniciativas em favor da proteção e acolhida às mulheres vítimas de violência.

Texto e fotos – Norberto Peres – Ascom IGP     
 
MULHERES DO IGP – CONHECIMENTO TÉCNICO, SIMPATIA E BELEZA
Na série MULHERES DO IGP, três exemplos dentre tantas mulheres que aliam conhecimento técnico, simpatia, charme e beleza. Elas tem experiência noImage ramo em que atuam, são preparadas e contribuem para o crescimento e excelência da Instituição:

MARI ANGELA DE MELO MARTINS, formada em Pedagogia pela Faculdade Portoalegrense (FAPA), licenciatura plena com ênfase em Orientação Educacional, Mari Ângela desempenha funções de Administração de Sistemas no IGP há quatro anos. Porém, nos 33 anos de Serviço Público, atuou em áreas e atividades diferentes; desde o antigo Departamento Nacional de Estradas de Rodagem (DNER) onde começou a carreira, passando pelo IBGE, SERPRO e BANRISUL, já a serviço do Estado do Rio Grande do Sul. Da Secretaria de Administração e Recursos Humanos (SARH) ela passou a cumprir uma das missões mais importantes de toda a trajetória: o processo de informatização das escolas, por meio da Secretaria Estadual da Educação.
De bem com vida, vaidosa e bem humorada, Mari Angela tem personalidade forte, tão forte quanto o carisma do sorriso.

DAYSE FARIAS está no IGP há um ano e meio, mas a carreira de servidora pública chega a 33 anos. Na Pontifícia Universidade Católica (PUCRS) ela cursou Administração de Empresas e Secretariado Executivo. Mas a caminhada teve início na extinta Caixa Econômica Estadual. Um período na Secretaria da Saúde e, mais tarde, a Supervisão Técnica, na Divisão de Ensino do IGP.
Beleza, charme e um jeito carinhoso de tratar a todos marcam a presença de Dayse no ambiente administrativo do Instituto Geral de Perícias.

A Arquiteta Urbanista CÍNTIA LIMA SCHAAN está no IGP há oito anos. Formada em 1991 pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), no ano seguinte ingressou no Serviço Público. Portanto, são 22 anos de atuação no Estado do RS.
Atualmente, Cíntia presta serviço na Divisão de Projetos, dentro da Supervisão Técnica (ST). E a atuação no IGP teve o ponto alto ao longo de quatro anos seguidos, quando esteve na Secretaria Estadual de Obras Públicas, justamente no encaminhamento de projetos ligados ao próprio IGP, o que lhe valeu experiência, conhecimento e ‘bagagem profissional’.

Texto e fotos – Norberto Peres – IGP/RS     
 
<< Início < Anterior | 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 | Seguinte > Final >>

Resultados 105 - 112 de 1573

© 2015

Direção Geral: Rua Voluntários da Pátria, 1358 - 3º andar - CEP 90230-010 - Porto Alegre/RS
Dep. Criminalística Tel.: (51)3223-6677 - Dep. Identificação Tel.: (51)3223-6122/2798
Dep Médico-Legal Tel.: (51)3288-2656/2650 - Laboratório de Perícias Tel.: (51)3288-2664